domingo, maio 19, 2024
InícioDestaquePrimeira hemodiálise contínua do município de Mafra

Primeira hemodiálise contínua do município de Mafra

- Advertisement -

O último dia 09 de outubro, foi mais um momento histórico para o Hospital São Vicente de Paulo, marcou mais um avanço para a saúde de Mafra e região. Neste dia, iniciou a primeira Hemodiálise Contínua, no HSVP.

Este procedimento é chamado de hemodiafiltração. Nele, elevados volumes de solução produzida com água ultra-pura são infundidos e simultaneamente filtrados do espaço vascular do paciente, resultando em uma melhor remoção de toxinas do que na hemodiálise convencional, reduzindo a incidência de desmineralização óssea (que leva a fraturas), inflamações, desnutrição, anemia, hipertensão arterial, insuficiência cardíaca e neuropatias, além da redução do risco de infecções. Este procedimento pode durar até 72 horas e é indicado para pacientes hemodinâmicos graves, principalmente diagnosticados com Covid-19.

Em Mafra, a hemodiafiltração iniciou às 17 horas do dia 9/10, finalizando no dia 13/10 às 17 horas, e aconteceu através de uma parceria entre o HSVP e a CTDR – Centro de Tratamento de Doenças Renais, de Joinville, detentora do equipamento. Os médicos responsáveis pelo procedimento foram os Nefrologistas Dra. Bárbara Ferrari e Dr. Rafael Marques, também fizeram parte da equipe o profissional Renato, enfermeiro do diálise do CTDR de Mafra responsável por coordenar as equipes de diálise, e a enfermeira Jacemir, de Joinville, que trouxe a equipe de enfermagem especialista neste tratamento.

Para a Dra. Barbara “termos disponíveis para Mafra este tipo de tratamento é muito importante, pois esta é uma ferramenta no apoio terapêutico do paciente, já fragilizado pela redução de sua capacidade natural de filtragem, e ainda, por tratar-se de um tratamento mais efetivo e de menor risco”.

Por Assessoria

Últimas Notícias