segunda-feira, dezembro 11, 2023
InícioSaúdeCovid-19: mais de 518 milhões de doses da vacina monovalente foram aplicadas...

Covid-19: mais de 518 milhões de doses da vacina monovalente foram aplicadas no Brasil

- Advertisement -

Esse panorama é registrado ao passo em que o país conta com mais de 38 milhões de casos confirmados da doença e cerca de 707 mil mortes

Até o momento, no Brasil, foram aplicadas 518.580.683 doses da vacina monovalente contra a Covid-19. Em relação à bivalente, o total é de 30.433.965. De acordo com o Ministério da Saúde, o país registrou 38.022.277 casos confirmados da doença e 707.286 mortes.

Com base em outros dados disponibilizados pela Fiocruz, o infectologista Julival Ribeiro avalia que em determinadas regiões do Brasil há um aumento no número de casos da doença. Esse aumento é notável em crianças e, sobretudo, em relação a casos graves entre as pessoas mais vulneráveis, como idosos e aqueles com comorbidades.

“Portanto, é muito importante que as pessoas tomem a sua dose de reforço, a vacina bivalente, porque com essa dose a gente estimula o nosso organismo a produzir mais defesa”, enfatiza.

De acordo com a última atualização do Boletim InfoGripe da Fiocruz, há uma heterogeneidade nos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por Covid-19 no Brasil. Enquanto alguns estados registraram um aumento nas novas ocorrências semanais, especialmente entre a população mais idosa, outros mostram estabilidade.

Os estados da Bahia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Minas Gerais mostram sinais de aumento nos casos da doença. Em Minas Gerais, foi notado um aumento nas internações após um período de estabilidade. Em São Paulo, a situação se estabilizou, principalmente na capital, apesar de algumas áreas do interior ainda relatarem aumento.

Segundo o boletim, no Rio de Janeiro, a tendência de queda nos casos foi interrompida. O Espírito Santo registra um pequeno aumento recente, enquanto Goiás, Mato Grosso do Sul, Paraná e o próprio estado de São Paulo indicam uma pausa no crescimento dos casos.

O auxiliar administrativo de 24 anos e morador de Rio Verde – GO, José Hiago Gomes, conta que tomou três doses da vacina contra covid-19 e pretende tomar mais doses. Ele relata que antes da vacinação contraiu o vírus duas vezes.

“Eu acho que a vacina em si salva vidas, por mais que tenhamos passado por episódio em que a vacina foi questionada, colocada sobre um olhar duvidoso. A vacinação, seja para qual espécie de doença ou de vírus, ela salva vidas”, comenta.

De acordo com o Ministério da Saúde, a vacina contra o vírus é essencial para prevenir formas graves da doença e está acessível no SUS para todos acima de 6 meses. Adultos com mais de 18 anos, após duas doses, devem receber um reforço da vacina bivalente.

Últimas Notícias